quinta-feira, 26 de maio de 2011

RITA SANTANA

Nascida em Ilhéus, Rita Santana é atriz e e escritora graduada em Letras  pela UESC onde foi uma das organizadoras do projeto Universidade em Verso. Como atriz, iniciou em 1985, no teatro, fez também cinema e televisão, onde seu melhor momeno foi na novela Renascer. Iniciou sua carreira literária em 1993 publicando textos no jornal Diário da Tarde de Ilhéus. Em 1994 publica artigo sobre a obra de Almeida Faria intitulado “A Beleza do Peso em Rumor Branco” na Revista de Cultura e Literaturas de Língua Portuguesa “Quinto Império”. Neste mesmo ano, publica seus primeiros contos no suplemento literário do jornal A Tarde de Salvador. Publicou o livro de contos “Tramela” através da Fundação Casa de Jorge Amado com o Prêmio Braskem de Cultura e Arte Literatura 2004, para autores inéditos. Em 2005 participa da antologia “Mão Cheia” e divulga o seu trabalho na Bienal do Livro da Bahia e no Projeto Poesia na Boca da Noite. Em 2006 publica o livro de poesia “Tratado das Veias” pelo Selo Editorial As Letras da Bahia, voltando a participar da Bienal do Livro da Bahia em 2007.

BREJO
Rita Santana


Angélicas acalentam durante o dia o olhar
Sobre os meus pés de menina que sente o cheiro do brejo.
Há uma vizinha que enlouquecerá,
Há um nome tanto, filhos belos, casa decorada,
Prosperidade e segurança.
Há no quintal da casa um brejo,
Há caixas de ovos, cheirando a isopor branco,
Há o menu do futuro nas mãos da minha mãe,
Órfã nos dias dos nossos passos.
Haverá melancolias de tardes com as vizinhas da minha mãe.
A poesia me oferta remissão,
A facilidade das confissões,
O esconderijo dos pequenos furtos.
Mas, e a vida?
Tenha paciência com meus desatinos amarelos,
Tenham paciência com os meus desatinos vermelhos,
Paciência com minha inapetência pra paciências diárias.
Confesso o meu pânico, a minha demência cega.
Sou poeta! Eis minha pena, meu punhal, meu álibi.
Minha balança.

Fonte: Blog de Lima Coelho.


E mais:


Suzana Mattos participou de vários programas humorísticos e alguns filmes, como: Escorpião Escarlate e As Sete Vampiras. Abandonou a carreira há mais de 10 anos. Foi casada com o humorista Dedé Santana.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

LUCIO ANDREY

Lúcio Andrey faz parte do grupo de Teatro Nós do Morro. Atuou em várias peças e em alguns programas de televisão. No cinema esteve em Como Ser Solteiro, Orfeu, O Homem do Ano, Redentor. Faz parte da diretoria jovem do SATED/RJ.

E mais:

HERALDO CORREIA Ayrosa Galvão é irmão do cantor ´Fábio Júnior. Atuou em novelas como Plumas e Paetês, Dinheiro Vivo e Ou Tudo Ou Nada. Foi secretário de Esporte do município de São Paulo e em 2008 foi candidato a vereador, não sendo eleito. Namorou as atrizes Élida L'astorina e Marcela Muniz. Foi casado com Margareth Boury com quem teve Guilherme Boury, também ator.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

ALEXANDRA MARZO

Alexandra Faria Marzo é filha dos atores Claudio Marzo e Betty Faria. Começou na carreira de atriz quando ainda era criança, participando de especias da rede Globo. Mas sua estreia oficial foi na minissérie O Primo Basílio, depois se destacou em Fera Radical, O Salvador da Pátria e Mandacaru. No cinema esteve em Kuarup e no teatro em Aluga-se um Namorado, A Serpente entre outras. Abandonou a carreira no início dos anos 2000 e hoje se dedica à astrologia. Namorou o roteirista Vinicius Vianna.



MATEUS CARRIERI iniciou a carreira quando ainda era bebê, fazendo campanhas publicitárias e participando do Programa Silvio Santos. Foi ator mirin se destacando na novela Éramos Seis da TV Tupi. Sua carreira sempre foi destacada ressaltando a beleza física. Na televisão se destacou ainda em Amor Com Amor se Paga, Salomé, O Ninho da Serpente, Chiquititas. No teatro em Um Bonde Chamado Desejo, Replay, Hair. Nos últimos anos, Mateus entrou para o mundo erótico, já posou algumas vezes para a Revista G Magazine e fez vários filmes pornográficos atuando com Márcia Imperator, Rita Cadilac entre outras. Seu filho, Kaike Carrieri, também posou nu. Mateus também é professor de Educação Física.

E mais:

Andrea de Nóbrega é uma atriz paulistana que participou de alguns programas humorísticos do SBT, como Escolhinha do Golias e A Praça é Nossa. Foi casada com o humorista Carlos Alberto de Nóbrega.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

JOSÉPHINE HÉLÉNE

Em 16 de maio de 1944, nasceu no Rio Grande do Sul Maria Helena Soares. Participou de grandes shows e peças teatrais ao lado do marido, o ator Grande Otelo. Na televisão atuou em Locomotivas e Feijão Maravilha. No final da década de 80 Joséphine separou de Grande Otelo, saiu do país e abandonou a carreira artística.

E mais:

Marlene Silva estreou como modelo no Fantástico, nos anos 70. No cinema estreou em A Dama da Zona. Participou de vários programas humorísticos, como Viva o Gordo. A partir da década de 90, Marlene começou a ter uma carreira esporádica, onde seu mais recente trabalho foi na novela do sbt, Revelação.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

LAJAR MUZURIS

Lajar Muzuris nasceu na Grécia em 1928 e veio para o Brasil ainda jovem. Fez muito teatro e no cinema participou de O Supercareta, Esquadrão da Morte e Bonfa, O Vagabundo. Na TV fez Pai Heroi, Sétimo Sentido, sendo sua última novela Amor Com Amor Se Paga.

 Faleceu no Rio de Janeiro em 02 de novembro de 2003.


APOLO CORREIA, nasceu em 1910.
Lembro da notícia da morte de Apolo Correia- que eu só fui descobrir o nome ao pesquisar para este blog- antes era apenas o Barbeiro do Sitio do Picapau Amarelo. A morte foi noticiada no Fantástico em alguns segundos, foi dada pouca importância para um dos maiores comediantes da Rádio Nacional, onde começou nos anos 30, imitando Vicente Celestino. Estreou no cinema em 1935 no filme Alô Alõ Brasil e ainda atuou nos filmes Coração Materno e A Baronesa Transviada. Na televisão fez Jogo da Vida e Espelho Mágico entre outras novelas. Faleceu no Rio de Janeiro em 13 de outubro de 1987.


E mais:

Gilda Guilhon iniciou a carreira de atriz no teatro ao lado de Daniel Dantas, Bia Lessa e Buza Ferraz- com quem foi casada e teve um filho. Na televisão atuou na novela O Amor é Nosso e no cinema fez Aguenta Coração. Abandonou a carreira no início da década de 80, ao entrar para a Seita do Santo d'Aime, onde permanece até os dias de hoje.

sexta-feira, 13 de maio de 2011

CLAUDIA FREIRE




Claudia Marya Venturi Freire nasceu no dia 31 de maio de 1957. Desfilou sua beleza na TV, cinema e em fotonovelas. Na televisão atuou em Amor com Amor Se Paga e Dona Beija e no cinema atuou no filme Atrapalhando a Suate. No teatro participou de Decameron, Através do Espelho, A barca do Inferno e O Cavalo Transparente. Se formou em jornalismo e no início dos anos 2000 atuou no Jornal do Rio pela Bandeirantes. Desde 2003 comanda a campanha do Retiro do Artistas nos teatros cariocas. Escreve peças e roteiros de filmes e hoje assina Claudia Venturi.

http://www.cmventuri.com.br/claudia.pdf


E mais:

Lys Beltrão foi uma modelo e atriz gaúcha que atuou nas novelas Setimo Sentido, Um Sonho a Mais, Anos Dourados e Hipertensão. Não se tem notícias da atriz desde final dos anos 80. Teve um affair com o rei do futebol Pelé.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

ALMIR DAS AREIAS

Conhecido também como Anande das Areias, se destacou na novela O Meu Pé de Laranja Lima, na Bandeirantes em 1980. Fez bastante teatro e hoje é uma referência na capoeira brasileira. Tem uma academia em São Paulo, onde é conhecido como Mestre Anande.

E mais:



Suzana Abranches (Suzana Regina Camilo de Abranches) apesar de ter sido Emília do Sitio nos anos 80 da Globo, grande parte de seus trabalhos na tv, foram de coadjuvantes, como em Pacto de Sangue e Mulheres de Areia no plim plim- Ana Raio e Zé Trovão na Manchete- Floribela na Band e Bela, a feia na Record. No cinema protagonizou Coisa de Mulher e no teatro esteve em cinderela, Cemitério de Elefantes e Na Casa dos 40. É também redatora de humor e professora de teatro.

terça-feira, 10 de maio de 2011

LUIZ MAGNELLI

Luiz Magnelli é um dos grandes atores coadjuvantes da televisão brasileira, atuou em novelas como Que Rei Sou Eu?, Mico Preto - além de vários programas humorísticos. No teatro esteve em Trair e Coçar é só Começar , Caixa 2, O Pagador de Promessas e etc. No cinema brilhou em Um Marido Contagiante. Recentemente esteve na novela Caminho das índias.

E mais:

Dayse Tenório Penna se destacou mais no teatro, onde montou um grupo com Melise Maya. No cinema interpretou pequenos papéis, como no filme O Romance da Empregada. Na televisão, participou de pequenos, mas marcantes trabalhos em O Sexo dos Anjos, Barriga de Aluguel, Bebe a Bordo. Dayse faleceu prematuramente, aos 33 anos de acidente automobilístico em 1993 no Rio de Janeiro.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

LU MENDONÇA

Lú Mendonça nasceu em Natividade, RJ. É uma daquelas atrizes que passam tremenda emoção na interpretação. Já fez teatro e cinema, mas seu habitat natural é mesmo a televisão, onde apareceu com destaque em Riacho Doce, Lampião e Maria Bonita, Sandy e Júnior e mais recentemente em Páginas da Vida, onde interpretou uma personagem bastante humana, Lú passou toda a emoção necessária.

NEWTON MARTINS já fez bastante teatro, cinema e televisão. Mas não consigo lembrar dos nomes de seus personagens. Lembro muito deste ator, interpretando um velhinho simpático, em Sonho Meu. Newton tem cara de Papai Noel, por isso sempre era convidado para interpretar este personagem. Afastou-se da profissão por problemas de saúde. Faleceu dia 30 de maio de 2011

E mais:

Agnaldo Rocha atuou em várias produções dos anos 70 e 80 da tv e do cinema. Se destacou no filme Cala a Boca Etelvina e na tv chamou a atenção nas novelas Escrava Isaura e Sinhá Moça. Seu último trabalho foi em um programa Você Decide de 2000. Esteve na peça É Por Aqui, Sinhô ao lado de Araci Cortes. Faleceu em 10 de junho de 2010 no Rio de Janeiro.

Roberto Santana atuou em vários programas humorísticos e nas novelas Mico Preto e Perigosas Peruas. Conhecido também como Bola Sete, hoje é chefe de torcida e ministra palestras motivacionais e também se apresenta em eventos de humor e futebol show, onde atua como juiz.

quarta-feira, 4 de maio de 2011

CIDINHA MILAN

Cidinha Milan, nasceu no ano de 1948 e chegou à televisão na década de 60. Foi a primeira atriz a aparecer nua na tv, atuando na novela Gabriela de 1975. No teatro, Cidinha se destacou em Ópera do Malandro de Chico Buarque e ainda participou de alguns filmes. Na tv apareceu ainda em Tieta, Sandy e Junior e Malhação. Sempre chamou à atenção por interpretar personagens cômicos de uma forma bastante peculiar e marcante.

E mais:
Evandro Leandro da Silva  foi o Trapizomba da novela Tieta e Jiló da novela Mandacaru, da extinta rede Manchete. Sempre interpretou capangas pelo seu jeito rústico. Chegou a gravar uma marchinha de carnaval em 1990 em homenagem ao personagem Trapizomba. A última noticia que se tem do ator data de 2003, quando fez um transplante.  Evandro nasceu em 1952.